- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

COVID-19: governo volta atrás e diz que caso de janeiro é, na verdade, de março

© AFP 2022 / Douglas MagnoBombeiros, usando trajes de proteção, participam de instrução como forma de contingência e segurança contra a propagação do coronavírus, em Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, 20 de março de 2020
Bombeiros, usando trajes de proteção, participam de instrução como forma de contingência e segurança contra a propagação do coronavírus, em Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil, 20 de março de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Ministério da Saúde afirmou hoje que a informação divulgada ontem, sobre uma possível morte causada pela COVID-19 no Brasil ainda em janeiro estava incorreta. Segundo a pasta, o caso em questão é, na verdade, do mês de março.

"O Ministério da Saúde foi comunicado pela Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) nesta sexta-feira (3) sobre a conclusão de investigação do possível primeiro caso de COVID-19 no Brasil. A informação de início dos sintomas foi alterada de 23/1/2020 para 25/3/2020. Os dados no sistema de notificação estão sendo atualizados", diz um comunicado citado pelo G1. 

​De acordo com o portal, ao ser questionado sobre o culpado pelo erro, o ministério responsabilizou as autoridades mineiras, já que são as mesmas que cadastram as notificações no sistema. A Secretaria Estadual de Saúde de Minas Gerais, por sua vez, disse que ainda está apurando o episódio.

Segundo o último balanço do Ministério da Saúde, divulgado na última quinta-feira, o Brasil contabiliza 7.910 casos de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, com 299 mortes confirmadas até o momento. A taxa de letalidade atual é de 3,8%.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала