Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Ciro Gomes e Haddad se unem em pedido de renúncia de Bolsonaro

© REUTERS / UESLEI MARCELINOPresidente do Brasil, Jair Bolsonaro, ajeita máscara durante coletiva de imprensa sobre medidas federais para conter coronavírus, Brasília, 18 de março de 2020
Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, ajeita máscara durante coletiva de imprensa sobre medidas federais para conter coronavírus, Brasília, 18 de março de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Líderes de partidos da oposição, incluindo os ex-candidatos à Presidência, Ciro Gomes (PDT) e Fernando Haddad (PT), divulgaram um manifesto nesta segunda-feira (30) pedindo a renúncia imediata do presidente Jair Bolsonaro.

De acordo com o documento, que também é assinado pelo governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) e por Guilherme Boulos (Psol), Bolsonaro é acusado de agravar a emergência representada pela pandemia do coronavírus no Brasil.

"Jair Bolsonaro é o maior obstáculo à tomada de decisões urgentes para reduzir a evolução do contágio, salvar vidas e garantir a renda das famílias, o emprego e as empresas", diz o manifesto, citado pela Folha de S.Paulo. 

​O texto afirma ainda que Bolsonaro é "um presidente da República irresponsável" que agrava a crise do coronavírus e "comete crimes, frauda informações, mente e incentiva o caos".

"Basta! Bolsonaro é mais que um problema político, tornou-se um problema de saúde pública. Falta a Bolsonaro grandeza. Deveria renunciar, que seria o gesto menos custoso para permitir uma saída democrática ao país. Ele precisa ser urgentemente contido e responder pelos crimes que está cometendo contra nosso povo", diz o manifesto.

Também assinam o texto o ex-governador do Paraná Roberto Requião (MDB), o ex-governador do Rio Grande do Sul Tarso Genro (PT), e os presidentes de partidos Gleisi Hoffmann (PT), Juliano Medeiros (Psol), Luciana Santos (PCdoB), Carlos Siqueira (PSB), Carlos Lupi (PDT) e Edmilson Costa (PCB).

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала