Maduro: Venezuela espera 2º avião da Rússia com suprimentos para ajudar a lutar contra COVID-19

© REUTERS / Manaure QuinteroPresidente da Venezuela, Nicolás Maduro
Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, informou neste sábado (29) que nos próximos dias irá chegar à Venezuela um segundo avião russo com equipamento médico para combater a COVID-19.

Na sexta-feira (27), Maria Zakharova, representante oficial da chancelaria russa anunciou em uma coletiva de imprensa que Moscou continuará prestando assistência a Caracas, inclusive na luta contra o novo coronavírus, e que a primeira remessa de testes para diagnóstico da doença já foi entregue ao país sul-americano.

O presidente venezuelano especificou a ajuda que seu país está recebendo.

"Esta semana chegaram três aviões, um deles da Rússia", Maduro ainda acrescentou que nos próximos dias "chegará um avião militar da Rússia enviado pelo presidente Putin com todos os equipamentos".

Segundo o chefe de Estado venezuelano, nas próximas horas a Venezuela receberá mais de um milhão de testes para o coronavírus e outros suprimentos médicos, que continuarão chegando durante toda a semana.

"O presidente Putin me enviou uma mensagem, que chegou ontem à noite entregue pelo embaixador, reafirmando todo o seu apoio estratégico integral à Venezuela, em todas as áreas", indicou Maduro.

Na quinta-feira (26), os EUA acusaram o presidente venezuelano de narcoterrorismo e ofereceram uma recompensa de US$ 15 milhões (cerca de R$ 75 milhões) a quem o entregar às autoridades dos EUA.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала