Mídia suíça estima qual país que pode ser mais impactado pelo coronavírus

© AP Photo / Matt DunhamTuristas usando máscaras para se protegerem do coronavírus em Londres, no Reino Unido
Turistas usando máscaras para se protegerem do coronavírus em Londres, no Reino Unido - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A situação do Reino Unido poderia se igualar ou mesmo ser mais grave que a enfrentada pela Itália, afirma um jornalista da televisão suíça SRF, analisando a progressão da COVID-19 no país europeu.

As medidas tomadas pelo governo britânico poderão ser insuficientes para desacelerar a expansão da pandemia, indica a televisão suíça em língua alemã SRF, divulgando que o Reino Unido arrisca ser afetado pelo vírus mais fortemente que a Itália.

"Os pesquisadores criticam o fato de se ter esperado muito tempo. Eles temem que o Reino Unido venha a ser ainda mais afetado que a Itália. O número elevado de casos não declarados sugere um número de infecções muito maior que os dados oficiais", relata o canal suíço.

Segundo Martin Alioth, jornalista responsável pela cobertura do coronavírus no Reino Unido, muitos cidadãos britânicos não estão respeitando as medidas de precaução. Devido à falta de uma mensagem clara do governo, a sociedade britânica não pôde tomar fortes medidas para conter o contágio, considera o jornalista.

Boris Johnson só pediu aos britânicos para ficarem em suas casas, instaurando o confinamento, em 23 de março, vários dias após a Itália, França e Espanha. Isso foi "demasiado tarde", segundo Alioth.

Com mais de 250 mil casos, o continente europeu é o mais afetado pela propagação da COVID-19.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала