BRICS pode fornecer treinamento e drones para missões de paz, diz embaixador

© Sputnik / Aleksei Panshin / Abrir o banco de imagensDrone kamikaze ZALA Lancet durante apresentação anual do cosórcio russo Kalashnikov na capital russa de Moscou
Drone kamikaze ZALA Lancet durante apresentação anual do cosórcio russo Kalashnikov na capital russa de Moscou - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
No âmbito do BRICS, Rússia e África do Sul irão cooperar no fornecimento de drones para as missões de paz, informou o embaixador da Rússia em Pretória, Ilia Rogachov.

A Rússia e a África do Sul irão agir de forma conjunta no fornecimento de drones para suas missões de paz no âmbito do BRICS, bloco que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

"A Rússia e a África do Sul estão considerando cooperar com os sócios do BRICS para aumentar o nível de treinamento de combate dos contingentes de [operações de] manutenção de paz, assim como fornecer equipamento de reconhecimento avançado, como veículos aéreos não tripulados", disse o embaixador russo em Pretória, Ilia Rogachov, à Sputnik.

O diplomata lembrou que a África do Sul é o segundo país do BRICS em número de militares que trabalham em missões de paz, com 1.250 efetivos.

"A maioria deles estão na República Democrática do Congo, onde estão em contato estreito com os observadores militares russos", explicou.

Desta forma, Moscou e Pretória estão elaborando um plano conjunto para capacitar os pacificadores sul-africanos na Rússia.

"Estamos tratando da possibilidade de capacitar as forças de paz sul-africanas na Rússia", declarou o embaixador.

De acordo com Rogachov, Moscou aguarda dados das Forças Armadas sul-africanas sobre locais e áreas de treinamento.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала