Pandemia de COVID-19 pode durar 2 anos, avisa especialista

© REUTERS / Manuel SilvestriRuas vazias de Veneza em meio a quarentena contra novo coronavírus
Ruas vazias de Veneza em meio a quarentena contra novo coronavírus - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Segundo instituto alemão, a crise da COVID-19 pode se estender até 2022 e deverá infectar a maioria da população mundial.

O Instituto Robert Koch da Alemanha prevê que a pandemia do coronavírus pode se estender por dois anos.

"A pandemia está se espalhando em ondas, é o que sabemos. Mas não sabemos a que velocidade e quando irá infectar 60-70% da população mundial, como foi previsto. Isso pode levar anos, pensamos que será em dois anos", disse o presidente do instituto de pesquisa, Lothar Wieler, em uma coletiva de imprensa.

Wieler também se referiu ao trabalho que está sendo feito para desenvolver uma vacina contra o coronavírus.

"Quanto mais cedo tivermos uma vacina, mais cedo esta pandemia pode ser detida. Mas mesmo que uma vacina apareça, isso não significa que todos serão vacinados, porque isso depende do número de doses", disse ele.

Segundo informações da entidade, a Alemanha tem 6.012 casos de coronavírus e 13 mortes. A universidade privada Johns Hopkins, dos EUA, relata 7.200 infecções e 17 mortes.

A Organização Mundial de Saúde classificou o surto do novo coronavírus de pandemia na quarta-feira (11). A doença já infectou em cerca de 150 países cerca de 180.000 pessoas, a maioria das quais se recuperou, mas mais de 7.000 faleceram.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала