Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Detentos fogem em massa após rebelião em presídio no litoral de São Paulo

© AP Photo / Felipe DanaOs detentos ficaram em suas celas durante a manifestação dos agentes penitenciários
Os detentos ficaram em suas celas durante a manifestação dos agentes penitenciários - Sputnik Brasil
Nos siga no
Uma rebelião no Centro de Progressão Penitenciária (CPP) Dr. Rubens Aleixo Sendin, localizado em Mongaguá, no litoral de São Paulo, permitiu a fuga de pelo menos 400 detentos da unidade com capacidade para 1.640 presos.

Segundo informações publicadas pelo portal G1, o CPP funciona no regime semiaberto, no qual os detentos podem trabalhar durante o dia e voltar à prisão para dormir na cela durante a noite.

Ainda não se sabe como os presos conseguiram deixar as celas e fugir da cadeia, mas sabe-se que funcionários foram feitos reféns dentro da penitenciária, enquanto outros aproveitaram a confusão e a correria para fugir.

O motivo da rebelião teria sido o cancelamento de uma saída temporária que seria concedida para os presos, de acordo com o G1. Equipes da Polícia Militar, Civil e Rodoviária já atuam na região realizando buscas para recapturar os presos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала