Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Foguetes atingem pela 2ª vez base iraquiana hospedando tropas dos EUA, relatam militares

© AFP 2021 / ALI AL-SAADISoldados norte-americanos na base militar Taji, que recebe tropas iraquianas e norte-americanas, e está localizado ao norte da capital Bagdá (imagem de arquivo)
Soldados norte-americanos na base militar Taji, que recebe tropas iraquianas e norte-americanas, e está localizado ao norte da capital Bagdá (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Neste sábado (14), uma base iraquiana que hospeda tropas estrangeiras foi atingida por foguetes, informaram autoridades iraquianas.

Mais de 30 foguetes atingiram as tropas da coalizão ao norte da capital Bagdá, relatou o jornal militar americano Stars and Stripes, citando funcionários iraquianos. Este é o segundo ataque somente nesta semana contra a base militar Taji.

Segundo relatos dos militares iraquianos, o ataque de foguetes à base Taji feriu gravemente vários militares.

De acordo com uma declaração, alguns foguetes atingiram o quartel da coalizão, enquanto vários outros caíram em uma pista usada pelas forças iraquianas. As fontes militares informaram que vários foguetes caíram dentro da base causando o acionamento das sirenes.

Relatos não confirmados nas mídias sociais iraquianas disseram que até 20 foguetes Katyusha haviam sido disparados contra a base.

© REUTERS / Célula de Segurança da Mídia Iraquiana/HandoutCaminhão carregado com foguetes Katyusha é visto depois de dez foguetes terem atingido a base militar de Taji, que abriga também as forças dos EUA, ao norte de Bagdá, no Iraque, 12 de março de 2020
Foguetes atingem pela 2ª vez base iraquiana hospedando tropas dos EUA, relatam militares - Sputnik Brasil
Caminhão carregado com foguetes Katyusha é visto depois de dez foguetes terem atingido a base militar de Taji, que abriga também as forças dos EUA, ao norte de Bagdá, no Iraque, 12 de março de 2020

Outro ataque semelhante à base militar Taji ocorreu na quarta-feira (11), matando três pessoas, incluindo dois americanos, e deixando uma dúzia de feridos.

Os soldados mortos foram identificados como um especialista do Exército americano de 27 anos, um sargento da Força Aérea americana de 28 anos e um cabo reservista britânico de 26 anos.

Os EUA e o Reino Unido retaliaram pelo ataque, lançando ataques aéreos às bases iraquianas que acolhem as milícias xiitas iraquianas, que o Pentágono responsabilizou pelo ataque.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала