Coronavírus diminui previsão de crescimento econômico em 2020, diz FMI

© AP Photo / Arek RatajHomem usa máscara para se proteger do coronavírus, em Wuhan, na China, em 30 de janeiro de 2020
Homem usa máscara para se proteger do coronavírus, em Wuhan, na China, em 30 de janeiro de 2020 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O crescimento econômico global neste ano será inferior ao de 2019 devido ao surto de coronavírus, mas é difícil prever quanto tempo durará a crise, segundo avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI).

"O crescimento global em 2020 cairá abaixo dos níveis do ano passado, mas o quanto cairá e quanto tempo o impacto terá ainda é difícil prever", disse Kristalina Georgieva, diretora administrativa do FMI, durante coletiva de imprensa nesta quarta-feira (4). "Graças à generosidade de nossos acionistas, temos cerca de US$ 1 trilhão em capacidade de empréstimo geral em que podemos confiar".

Georgieva não quis precisar uma previsão de crescimento econômico, mas informou que o Fundo irá fazer um prognóstico em abril em sua publicação nomeada "World Economic Outlook".

"Enquanto não soubermos a duração desse surto, estaremos em maior incerteza", disse. A diretora do FMI também ressaltou que a economia mundial está em boa forma e isso ajuda a lidar com os efeitos econômicos do novo surto de coronavírus.

"Para países de baixa renda, temos um financiamento emergencial de desembolso rápido de até US$ 10 bilhões, que pode ser acessado sem um programa completo do FMI", disse Georgieva.

Mais de 94 mil pessoas em todo o mundo foram infectadas com a nova cepa do coronavírus, a grande maioria delas na China, onde se originou o surto. Mais de 3.200 pessoas morreram e outras 51 mil se recuperaram após receberem tratamento. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала