Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Dos 20 casos suspeitos de coronavírus no Brasil, 12 são de pacientes que estiveram na Itália

© REUTERS / Yara NardiPessoas com máscaras para evitar contágio de coronavírus fazem foto em praça em Milão, na Itália
Pessoas com máscaras para evitar contágio de coronavírus fazem foto em praça em Milão, na Itália - Sputnik Brasil
Nos siga no
Dos 20 casos suspeitos de novo coronavírus sendo investigados no Brasil, 12 são de pessoas que estiveram recentemente na Itália, país que enfrenta um surto de COVID-19, nome da doença causada pelo vírus.

Nesta quarta-feira (26), o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, confirmou o primeiro caso do coronavírus no Brasil: um homem de 61 anos, que mora na cidade de São Paulo e esteve na Itália entre os dias 9 e 21 de fevereiro. 

O paciente apresenta sinais brandos da doença, como tosse, e está em isolamento domiciliar. 

Além dos pacientes que estiveram na Itália, os outros oito casos são: duas pessoas que viajaram para Alemanha; duas para a Tailândia; uma para a China; uma para França e uma que teve contato com um caso suspeito. 

São 11 mulheres e nove homens, entre 20 e 68 anos, distribuídos por sete estados: Paraíba (1), Pernambuco (1), Espírito Santo (1), Minas Gerais (2), Rio de Janeiro (2), São Paulo (11), Santa Catarina (2).

Ao todo, 59 casos já foram descartados pelo governo brasileiro.

Leitos podem ser disponibilizados

Segundo o ministro Mandetta, todos os estados receberão materiais para combater o coronavírus e, caso necessário, 1.000 leitos serão disponibilizados para tratar pacientes infectados.

Já o secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, declarou que antivirais serão dados a todos os pacientes que cheguem de fora, busquem ajuda médica e apresentem problemas respiratórios, tenham coronavírus ou não.

A doença causada pelo coronavírus já atingiu mais de 80 mil pessoas e matou mais de 2.700 em menos de três meses em todo o mundo, a maioria na China, onde o surto de iniciou

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала