Síria estaria planejando processar EUA por 'roubo' de petróleo

© AFP 2022 / Youssef KarwashanPoço de petróleo no campo Rmeilane, província de Hasakeh, Síria, julho de 2015 (foto de arquivo)
Poço de petróleo no campo Rmeilane, província de Hasakeh, Síria, julho de 2015 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Síria condena a extração e o contrabando de petróleo do país por parte dos EUA e está pronta para responder a esta pressão, assegura assessora do presidente sírio.

Damasco está considerando entrar com uma ação judicial internacional contra os norte-americanos por saquearem os recursos petrolíferos do país, segundo Bouthaina Shaaban, assessora do presidente sírio Bashar Assad.

A assessora informou que a presença das forças norte-americanas e o controle que exercem sobre os campos petrolíferos sírios fazem parte de uma série de pressões exercidas pelos EUA sobre o país desde 2011, segundo a emissora libanesa Al-Mayadeen.

© AFP 2022 / DELIL SOULEIMANForças dos EUA acompanhadas pelos combatentes da YPG na fronteira turco-síria
Síria estaria planejando processar EUA por 'roubo' de petróleo - Sputnik Brasil
Forças dos EUA acompanhadas pelos combatentes da YPG na fronteira turco-síria

O presidente dos EUA, Donald Trump anunciou a retirada de suas tropas da Síria, mas posteriormente voltou atrás, afirmando que deixaria parte dos militares para "defender" os campos de petróleo e evitar que o petróleo sírio caísse nas mãos de extremistas.

Por sua vez, o presidente sírio condenou a ação norte-americana, já que os EUA estariam saqueando os recursos petrolíferos do país.

"Os EUA agora, estão roubando este petróleo e o vendendo para a Turquia", afirmou o líder sírio, em relação ao destino dos hidrocarbonetos extraídos ilegalmente nos campos a leste do rio Eufrates.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала