Trump afirma ter alcançado progresso nas negociações comerciais com China

© AP Photo / Seth WenigPresidente dos EUA, Donald Trump, discursa durante reunião do Clube Econômico de Nova York, em 13 de novembro de 2019
Presidente dos EUA, Donald Trump, discursa durante reunião do Clube Econômico de Nova York, em 13 de novembro de 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
No início de dezembro, o governo Trump anunciou ter alcançado a "fase um" de um acordo com a China para resolver, em parte, a guerra comercial de 17 meses entre os dois países.

A guerra comercial provocou prejuízos de centenas de bilhões de dólares para as duas maiores economias do mundo e amorteceu os ganhos financeiros globais.

O presidente dos EUA, Donald Trump, durante um discurso realizado em reunião da organização estudantil conservadora - Turning Point EUA - disse que Washington e Pequim assinariam a "primeira fase" de um acordo comercial "muito em breve".

"Acabamos de alcançar um avanço no acordo comercial e assinaremos em breve", anunciou Trump.

Na sexta-feira, Trump afirmou que teve uma "conversa muito boa" durante uma ligação telefônica com o presidente chinês Xi Jinping.

Um acordo sobre a suposta primeira fase do acordo comercial - um acordo bilateral maior entre EUA e China - teria sido alcançado na semana passada.

A primeira fase estipula um ajuste significativo das tarifas dos EUA sobre produtos chineses, mas manteria tarifas de 25% sobre aproximadamente US$ 250 bilhões em importações chinesas, juntamente com tarifas de 7,5% sobre aproximadamente US$ 120 bilhões em importações chinesas. O acordo também exige que a China aumente suas compras de produtos e serviços americanos em pelo menos US$ 200 bilhões nos próximos dois anos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала