Número de mortos em ataque ao FSB em Moscou sobe para 2

© REUTERS / Shamil ZhumatovFuncionários da polícia em frente ao prédio do FSB, no centro de Moscou
Funcionários da polícia em frente ao prédio do FSB, no centro de Moscou - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Comitê de Investigação da Rússia informou nesta sexta-feira (20) que o número de mortos por conta do ataque ao Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB), em Moscou, subiu para duas pessoas.

Além disso, o Comitê de Investigação confirmou que o autor dos assassinatos era Yevgeny Manyurov, de 39 anos, morador de Podolsk (província de Moscou).

Nesta quinta-feira (19), Manyurov abriu fogo no centro de Moscou perto do prédio do Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB) e deixou duas pessoas mortas e outras cinco feridas.

"Como consequência (do tiroteio) um agente morreu no local, outro, em estado grave, foi internado no hospital onde morreu mais tarde. Outras cinco pessoas, incluindo um civil, sofreram ferimentos diferentes", afirmou o comunicado do comitê.

O incidente foi classificado pelas autoridades como um "ato de terrorismo".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала