Sindicato alemão convoca greve na Amazon dias antes do Natal

Nos siga noTelegram
O sindicato Verdi convocou os trabalhadores de um importante centro de logística da Amazon na Alemanha a entrarem em greve durante os últimos dias de compras antes do Natal, exigindo melhores salários e condições.

Desde 2013, os sindicatos organizam greves repetidas na Alemanha, o segundo maior mercado da Amazon depois dos Estados Unidos, na esperança de forçar o gigante do varejo a reconhecer acordos de negociação coletiva que se aplicam a outros funcionários do setor.

Em comunicado obtido pela agência de notícias Reuters, o sindicato afirma que pretende utilizar o movimento do Natal "para aumentar a pressão por barganha coletiva" e que os bônus de Natal, atualmente em US$ 441, deve quadruplicar. 

"Precisamente durante as operações de Natal, os colegas estão mais sobrecarregados, estressados ​​e fazendo horas extras, e isso deve ser reconhecido com os recursos do acordo coletivo de Natal", disse o líder do movimento grevista, Mechthild Middeke. 

A paralisação das atividades no centro de logística em Bad Hersfeld está prevista para começar na segunda-feira de manhã e deve durar até o sábado de noite. 

No passado, a Amazon disse que os níveis de participação nas greves eram baixos e que não teve nenhum impacto operacional com a movimentação dos trabalhadores.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала