Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Alemanha afasta militar suspeito de fazer saudação nazista

© AP Photo / Gero BreloerBandeira da Alemanha
Bandeira da Alemanha - Sputnik Brasil
Nos siga no
A ministra da Defesa da Alemanha prometeu neste domingo (1º) tomar uma "ação decisiva" contra qualquer caso de radicalismo no Exército após a repercussão de que um membro da força de elite militar pode ser expulso.

"Tiramos as primeiras consequências neste caso e continuaremos a agir com a mesma severidade e a impor as mesmas consequências em todos os casos", disse Annegret Kramp-Karrenbauer durante uma visita ao Kosovo, segundo a agência de notícias AFP.

O jornal Bild am Sonntag disse que o exército está investigando secretamente um oficial da tropa de elite das Forças Armadas, conhecida como KSK, e outros dois soldados. Após o vazamento da informação, as autoridades teriam sido forçadas a exigir. 

Um dos soldados investigado foi proibido de usar o uniforme do Exército alemão enquanto o outro foi classificado como um caso suspeito.

Ambos teriam feito a saudação nazista durante uma festa privada organizada pelo militar da tropa de elite. 

A KSK é a tropa encarregada de missões sensíveis e arriscadas, incluindo operações de resgate de reféns ou ações antiterror no exterior.

No ano passado, a ministra da Defesa, Ursula von der Leyen, ordenou que os militares se purificassem de todos os elos com o passado hitlerista depois de saber que capacetes de aço e recordações do Exército da era nazista eram exibidos abertamente em um de seus quartéis.

Ela também ordenou que os quartéis ainda nomeados em homenagem a figuras da Segunda Guerra Mundial, como o marechal de campo Erwin Rommel, fossem rebatizados.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала