OTAN revela por que gasta 20 vezes mais com defesa do que Rússia

© AFP 2022 / FRANCISCO LEONGFuzileiros portugueses tomam parte dos exercícios da OTAN Trident Structure 2015, em 100 km de Lisboa
Fuzileiros portugueses tomam parte dos exercícios da OTAN Trident Structure 2015, em 100 km de Lisboa - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, explicou por que a organização continua aumentando gastos com defesa, apesar de as despesas serem 20 vezes superiores às das da Rússia.

"Quando se trata destes algarismos e números, somos uma aliança eficaz e temos exércitos eficazes, mas o nível de custos é muito mais elevado, refletindo apenas um nível de vida mais elevado", declarou Stoltenberg, durante uma coletiva de imprensa em Bruxelas, na terça-feira (20).

"Se compararmos os salários e custos entre os aliados da OTAN e da Rússia, é óbvio que os níveis de custos deles [da OTAN] são mais elevados. E, por isso, quando você compara estes orçamentos a preços de mercado e moedas comuns, você obtém as conclusões que está se referindo. Mas isso não reflete uma menor eficiência, e, sim, reflete, em grande medida, as diferenças nos níveis de custos", acrescentou o secretário-geral.

De acordo com Stoltenberg, a OTAN continuará "investindo tudo o que for necessário para garantir dissuasão e defesa credíveis".

No fim de outubro, o chefe da OTAN explicou que, embora a aliança já tivesse gastado mais de US$ 1 bilhão (R$ 4,1 bilhões) em defesa em 2018 e estivesse planejando gastar mais US$ 100 bilhões (R$ 419 bilhões) em 2020, a organização precisava "manter os esforços" para aumentar ainda mais os orçamentos, inclusive garantindo que todos os membros se comprometessem com a defesa em 2% ou mais do PIB.

© Sputnik / Aleksei Nikolsky / Abrir o banco de imagensEquipamento militar durante os grandiosos exercícios militares Vostok 2018, realizados no Extremo Oriente da Rússia
OTAN revela por que gasta 20 vezes mais com defesa do que Rússia - Sputnik Brasil
Equipamento militar durante os grandiosos exercícios militares Vostok 2018, realizados no Extremo Oriente da Rússia

Anteriormente, o presidente russo, Vladimir Putin, anunciou que Moscou podia efetuar cortes em seu orçamento de defesa, uma vez que o seu próprio programa de modernização militar já tinha ultrapassado o pico de despesas necessárias.

Em outubro, Putin acentuou que, apesar de a Rússia estar gastando apenas US$ 48 bilhões (R$ 201 bilhões) com defesa e ocupar o sétimo lugar no mundo, Moscou dispõe de "capacidades militares incomparáveis" em uma série de áreas graças à "pesquisa centrada em áreas prioritárias" do complexo industrial militar russo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала