- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Banco do BRICS pretende investir pelo menos US$ 2,5 bi no Brasil

© Sputnik / Maksim Blinov / Abrir o banco de imagensKundapur Vaman Kamath, presidente do Banco dos BRICS, durante um debate televisionado pelo canal RT
Kundapur Vaman Kamath, presidente do Banco dos BRICS, durante um debate televisionado pelo canal RT - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente do NDB, indiano Kundapur Vaman Kamath, comemorou a iminente abertura do escritório da organização no Brasil e assegurou mais investimentos no país.

O presidente do Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), também conhecido como o Banco dos BRICS, o indiano Kundapur Vaman Kamath, se reuniu na tarde desta quarta-feira com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, para discutir a formação de uma agenda de trabalho conjunta de modo a impulsionar os investimentos estrangeiros na carteira de projetos de concessão no país.

O ministro brasileiro apresentou projetos de infraestrutura que serão concedidos à iniciativa privada. O NDB informou ter a meta de investir inicialmente US$ 2,5 bilhões no Brasil.

"Como estamos falando de um banco de desenvolvimento criado para alavancar investimentos nos países membros do BRICS, queremos fazer valer esse propósito e aportar estes recursos em nossos projetos mais desafiadores", disse Tarcísio Freitas, citado pela Agência Brasil.

Nesta quarta-feira, Brasília recebeu uma série de eventos, realizados no âmbito da 11º Cúpula do BRICS, que reúne, até quinta-feira os chefes de estado do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Durante um café da manhã, oferecido para empresários e para o presidente do NBD pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) nesta quarta-feira, Kamath comemorou a iminente abertura oficial do escritório do banco no Brasil, e garantiu que o número de projetos financiados pela instituição na região sul-americana deve aumentar, com particular atenção aos projetos em sustentabilidade, revelou um membro da delegação brasileira à Sputnik Brasil.

O BRICS criou o banco em 2015, durante a cúpula do grupo, realizada em Fortaleza, Brasil. O propósito da instituição, cujo capital inicial autorizado foi de 100 bilhões de dólares, é financiar o desenvolvimento sustentável de projetos de infraestrutura nos países de economias em desenvolvimento.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала