Pequim teria realizado testes secretos com drone no mar do Sul da China

Nos siga noTelegram
Pequim teria realizado um teste de 37 dias de um novo drone subaquático na região disputada no mar do Sul da China, sem revelar o motivo e a localização exata.

Os chineses teriam realizado atividades com um veículo submarino autônomo de longo alcance conhecido como Sea-Wahle, no mar do Sul da China, conforme o South China Morning Post.

O Sea-Whale 2000 completou 37 dias de testes ininterruptos, percorrendo uma distância de 2.011 quilômetros, segundo a Academia de Ciências da China.

Apesar das informações concedidas, a missão permanece em segredo, sabendo-se apenas que o drone seria capaz de controlar a área das ilhas Paracel e Spratly.

© Sputnik / Sergey Mamontov / Abrir o banco de imagensDrone chinês Wing Loong-2
Pequim teria realizado testes secretos com drone no mar do Sul da China - Sputnik Brasil
Drone chinês Wing Loong-2

O aparelho subaquático tem aproximadamente três metros de comprimento e pesa em torno de 200 quilos. Além disso, ele é equipado com inteligência artificial e sensores de longo alcance para detectar temperatura, traços químicos, atividade biológica e visibilidade.

A equipe de desenvolvimento chinesa teria projetado o drone com estrutura híbrida, podendo operar em diferentes modos com o objetivo de reduzir o consumo de energia e aumentar seu alcance.

Pequim está investindo em uma rede de monitoramento oceânico nas águas disputadas do mar do Sul da China, entretanto, os chineses se recusam a explicar o real objetivo do drone, que pode submergir a 2.000 metros e alcançar uma velocidade de até 1,2 metros por segundo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала