NASA mostra céu incrível do hemisfério sul da Via Láctea (VÍDEO, FOTOS)

© Foto / NASA/ESAImagem da maior estrela da Via Láctea, capturada pelo telescópio espacial Hubble da NASA
Imagem da maior estrela da Via Láctea, capturada pelo telescópio espacial Hubble da NASA - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As imagens captadas durante o primeiro ano de operação do telescópio espacial TESS da NASA compõem um mosaico incrível.

O TESS (Transiting Exoplanet Survey Satellite) registrou um vasto conjunto de imagens do céu do hemisfério sul da Via Láctea, sendo que 208 dessas fotos foram utilizadas para formar o mosaico divulgado pela agência espacial.

© Foto / Centro de Voos Espaciais GoddardTESS registra céu do hemisfério sul da Via Láctea em busca de mundos além do nosso Sistema Solar.
TESS registra céu do hemisfério sul da Via Láctea em busca de mundos além do nosso Sistema Solar - Sputnik Brasil
1/3
TESS registra céu do hemisfério sul da Via Láctea em busca de mundos além do nosso Sistema Solar.
© Foto / Centro de Voos Espaciais GoddardPanorama do hemisfério sul da Via Láctea.
Panorama do hemisfério sul da Via Láctea - Sputnik Brasil
2/3
Panorama do hemisfério sul da Via Láctea.
© Foto / NASA/MIT/TESS e Ethan Kruse (USRA)Mosaico do hemisfério sul da Via Láctea.
Mosaico do hemisfério sul da Via Láctea - Sputnik Brasil
3/3
Mosaico do hemisfério sul da Via Láctea.
1/3
TESS registra céu do hemisfério sul da Via Láctea em busca de mundos além do nosso Sistema Solar.
2/3
Panorama do hemisfério sul da Via Láctea.
3/3
Mosaico do hemisfério sul da Via Láctea.

Durante a missão, o céu meridional foi dividido em 13 setores, tendo cada um deles sido fotografado por quase um mês pelo telescópio em órbita.

"A análise de dados do TESS se concentra em estrelas e planetas individuais, uma de cada vez", afirmou Ethan Kruse, pesquisador de pós-doutorado no Goddard Space Flight Center da Nasa.

"Mas eu queria dar um passo atrás e destacar tudo de uma só vez, enfatizando realmente a vista espetacular que o TESS nos dá de todo o céu", ressaltou.

As imagens revelaram 29 exoplanetas (mundos fora do nosso Sistema Solar) e mais de mil candidatos a planetas.

Agora, as câmeras do TESS estão voltadas para o norte, para iniciar um estudo de um ano do céu setentrional.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала