Juiz bloqueia lei de Trump que obriga imigrantes a provar poder pagar seguro de saúde

© AP Photo / Evan VucciPresidente Donald Trump durante reunião com o presidente italiano Sergio Mattarella, na Casa Branca em 16 de outubro de 2019
Presidente Donald Trump durante reunião com o presidente italiano Sergio Mattarella, na Casa Branca em 16 de outubro de 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um juiz federal do estado norte-americano do Oregon bloqueou temporariamente uma lei que exigiria que imigrantes provassem ter condições de pagar seguro de saúde nos Estados Unidos.

A lei dava prazo de 30 dias após a chegada aos EUA para que se provasse ter dinheiro para pagar "custos médicos razoavelmente previsíveis".

O juiz em questão, Michael Simon, concedeu a liminar impedindo que a regra entre em vigor em 3 de novembro.

Pelo menos sete cidadãos dos EUA e uma organização de defesa entraram com uma ação para bloquear o projeto, argumentando que ele altera leis de imigração e assistência médica via decreto presidencial.

Além disso, essas organizações e cidadãos afirmam que o projeto pode impedir que centenas de milhares de imigrantes em potencial entrem nos EUA, conforme publicado pela agência Reuters. 

O presidente dos EUA, Donald Trump, através do decreto, afirma que seu objetivo é impedir que trabalhadores de saúde e contribuintes incorram em custos substanciais no pagamento de despesas médicas incorridas por pessoas que não possuem seguro médico ou a capacidade de pagar por sua saúde.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала