Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA negam que irão excluir empresas chinesas de suas bolsas de valores

© AP Photo / Richard DrewBolsa de valores de Nova York, 20 de junho de 2019
Bolsa de valores de Nova York, 20 de junho de 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Washington não planeja impedir que empresas chinesas tenham ações nas bolsas de valores dos EUA, disse Monica Crowley, secretária assistente de assuntos públicos do Tesouro dos EUA, neste domingo (29).

A imprensa publicou que a Casa Branca estava considerando a possibilidade de limitar o investimento dos EUA na China — e também retirar as empresas chinesas das bolsas de valores dos EUA.

"O governo não está pensando em impedir que empresas chinesas listem suas ações nas bolsas de valores dos EUA no momento. Congratulamo-nos com o investimento nos Estados Unidos", afirmou Crowley a Bloomberg.

A notícia chega em meio à próxima rodada das negociações comerciais entre Washington e Pequim, que serão realizadas de 10 a 11 de outubro nos EUA.

Em junho de 2018, os Estados Unidos impuseram a primeira rodada de tarifas contra as importações chinesas, levando a China a responder da mesma maneira. Desde então, os dois países trocaram várias rodadas de tarifas no que se tornou uma guerra comercial e se engajaram em negociações para resolver seus desentendimentos.

No início de setembro, o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou o adiamento, para 15 de outubro, da imposição de uma tarifa adicional de 5% sobre as importações chinesas no valor de US$ 250 bilhões.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала