Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Paquistão acusa Índia por morte de soldado na Caxemira

© REUTERS / Danish IsmailPoliciais em Jammu e Caxemira, Índia
Policiais em Jammu e Caxemira, Índia - Sputnik Brasil
Nos siga no
Neste sábado (14), Índia e Paquistão trocaram tiros na fronteira na região da Caxemira, deixando uma soldado mulher paquistanesa morta, além de 6 feridos.

Os dois países asiáticos registram conflitos regularmente ao longo da chamada Linha de Controle, que divide a província da Caxemira, região reivindicada por ambos.

A administradora local paquistanesa, Raja Tariq, disse que os ataques atingiram aldeias na região de Nakyal neste sábado (14), matando uma mulher e ferindo outras seis pessoas, conforme publicou a AP.

A polícia e as autoridades locais disseram que ataques realizados por indianos em outras áreas da Caxemira administrada pelo Paquistão também destruíram uma casa, danificaram parcialmente uma escola e atingiram um galpão para vacas e cabras, resultando na morte de animais.

As forças armadas do Paquistão também disseram que tropas indianas abriram fogo "não provocado" em Hajipir - na Caxemira - neste sábado (14), resultando na morte da soldado.

As tensões entre os dois países, que possuem armas nucleares, aumentaram desde 5 de agosto, quando a Índia retirou a autonomia de seu lado da Caxemira e impôs controles mais rígidos sobre a área.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала