PDVSA reduz sua dívida à petroleira russa Rosneft

© REUTERS / Carlos JassoLogótipo da empresa venezuelana PDVSA
Logótipo da empresa venezuelana PDVSA - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A companhia estatal Petróleos de Venezuela (PDVSA) reduziu sua dívida à empresa russa Rosneft de US$ 1,8 bilhão para US$ 1,1 bilhão no segundo trimestre de 2019, informa relatório da Rosneft.

Segundo os dados da empresa russa, desde janeiro de 2019 até junho deste ano a PDVSA pagou US$ 1,2 bilhão.

A dívida da PDVSA no final do ano de 2018 ascendia a US$ 2,3 bilhões.

Em finais de setembro de 2018 a dívida era de US$ 3,1 bilhões, em finais de junho de 2018 de US$ 3,6 bilhões, em finais de março de 2018 de US$ 4,0 bilhões e no fechamento de 2017 de US$ 4,6 bilhões.

A Rosneft concedeu à empresa petroleira venezuelana PDVSA US$ 6,5 bilhões em conceito dos futuros suprimentos do petróleo e seus produtos derivados.

Cooperação PDVSA-Rosneft

Em fevereiro passado, o primeiro vice-presidente da empresa russa Rosneft, Pavel Fyodorov, informou que a petroleira venezuelana PDVSA cumpre as obrigações diante da empresa russa conforme o calendário de pagamentos da dívida.

O cancelamento total da dívida, através de entregas do petróleo e derivados, está previsto para finais de 2020.

A empresa petroleira russa Rosneft tem contratos de compra do petróleo e produtos derivados da PDVSA e também para fornecimento de produtos derivados para a Venezuela.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала