Trump: retorno da Rússia ao G7 seria apropriado

© Sputnik / Sergei Guneev / Abrir o banco de imagensPresidente dos EUA, Donald Trump, durante coletiva de imprensa com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, após a reunião em Helsinque, em 16 de julho de 2018
Presidente dos EUA, Donald Trump, durante coletiva de imprensa com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, após a reunião em Helsinque, em 16 de julho de 2018  - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, demonstrou hoje interesse em ver a Rússia de volta ao grupo do G7, afirmando que isso seria muito mais apropriado.

Em conversa com jornalistas na Casa Branca, o atual chefe de Estado norte-americano culpou seu antecessor, o democrata Barack Obama, pela saída de Moscou do então G8, e explicou por que acredita que a Rússia deveria voltar grupo.

"Eu acho muito mais apropriado ter a Rússia dentro. Deveria ser o G8 porque muitas das coisas sobre as quais conversamos têm a ver com a Rússia", resumiu o presidente dos EUA, em declarações à imprensa, dizendo que pensaria positivamente sobre isso se alguém sugerisse a volta da Rússia ao grupo. 

​A próxima reunião de cúpula do G7 ocorre em Biarritz, na França, entre os dias 24 e 26 deste mês. A Rússia está fora do grupo desde 2014, quando foi punida pelos demais membros por conta da reintegração da Crimeia ao território russo. Atualmente, o grupo é formado por Estados Unidos, Alemanha, França, Japão, Reino Unido, Itália e Canadá.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала