Reino Unido exige que Irã respeite liberdade de navegação

© AP Photo / Marcos MorenoPetroleiro Grace 1 iraniano
Petroleiro Grace 1 iraniano - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O governo do Reino Unido aceitou a resolução das autoridades judiciais de Gibraltar e liberou o petroleiro iraniano, Grace 1, mas também exigiu de Teerã que respeite a liberdade de navegação.

A nota do governo britânico enfatiza que Londres não permitirá que o Irã e outros países evitem sanções da União Européia adotadas contra a Síria, cujo governo "usou armas químicas contra seu povo".

"Notamos que o governo de Gibraltar recebeu garantias do Irã de que Grace 1 não irá para a Síria. O Irã deve cumprir as garantias dadas", informou um comunicado divulgado pelo Ministério das Relações Exteriores.

O porta-voz ministerial nega qualquer "comparação ou conexão" entre a prisão de Grace 1 e do petroleiro inglês Stena Impero, detido pelas tropas iranianas.

"A liberdade de navegação comercial deve ser respeitada e a lei internacional deve ser imposta", afirma a declaração.

As autoridades de Gibraltar libertaram Grace 1 apesar de uma intervenção de última hora, feita pelo Departamento de Justiça dos EUA, solicitando a retenção do navio com petróleo iraniano.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала