Caso raro e sangrento: turistas sobrevivem a ataque de lobo

CC0 / Pixabay / Um lobo
Um lobo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em 13 de agosto, o canal CBC News revelou a história dos sobreviventes de um raro ataque de lobo. O animal selvagem tentou arrastar uma das vítimas de uma barraca no meio da noite.

Elisa Rispoli dormia em uma barraca com o marido Matt e dois filhos. Segundo ela, o marido estava deitado no caminho do lobo, protegendo a família.

Assim que o lobo mordeu Matt, todos os outros membros da família começaram a gritar. Os gritos acordaram Russ Fee e sua esposa, um casal de Calgary, que estavam acampando perto da outra família.

O homem se apressou para ajudar ao ver o rabo de um lobo saindo de uma barraca. A primeira reação que ele teve foi correr para prestar assistência a quem estivesse lá dentro, e chutou o lobo, que se distanciou um pouco da barraca.

"Arrependi-me na mesma hora por tê-lo chutado. Era muito maior do que qualquer cachorro que já vi", revelou Fee. Matt Rispoli saiu da barraca depois do lobo e começou a gritar para assustar o animal, que se recusava a ir embora. 

Para evitar que o lobo se aproximasse, os homens ficaram jogando pedras de longe, o que deu a chance da família Rispoli ir para a barraca de Fee, e depois todos buscaram abrigo no carro dele.

Matt Rispoli foi mordido inúmeras vezes pelo lobo nos braços. O lobo responsável pelo ataque foi rastreado a cerca de um quilômetro a sul do acampamento e assassinado.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала