Caça Su-57 de 5ª geração é lançado em produção em série

© Sputnik / Aleksei Kudenko / Abrir o banco de imagensCaça da quinta geração Su-57
Caça da quinta geração Su-57 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A produção em série do caça de quinta geração, Su-57, foi iniciada, segundo informa a brochura dedicada ao 80º aniversário da fabricante de aeronaves russa Sukhoi.

"O complexo aeronáutico multifuncional de 5ª geração possui um alto intelecto nos equipamentos de bordo, capacidade furtiva e grande capacidade de interceptação aérea e destruição de alvos terrestres. Em 2019, a empresa lançou a produção em série e assinou um contrato de longo prazo com o Ministério da Defesa para fornecer mais de 70 aeronaves", segundo a brochura.

Após a declaração da Sukhoi com relação ao início da produção em série dos caças Su-57 de quinta geração, o gabinete do vice-primeiro-ministro russo Yuri Borisov comentou o acordo entre o Ministério da Defesa e a Sukhoi.

"Atualmente, a empresa Sukhoi começou a cumprir suas obrigações contratuais. Como resultado da execução do acordo, o Ministério da Defesa russo receberá o caça multifuncional de quinta geração mais avançado, o que irá elevar as capacidades de combate da Força Aeroespacial nacional", afirmou o gabinete do vice-premiê, ressaltando que a primeira aeronave será entregue até o final de 2019.

O Su-57 (anteriormente conhecido como PAK FA) é um caça russo de quinta geração. Ele levantou voo pela primeira vez em 2010. A combinação da alta manobrabilidade com a possibilidade voar a velocidades supersônicas, bem como o moderno conjunto de equipamentos de bordo e capacidade furtiva, proporcionam ao Su-57 a superioridade sobre seus concorrentes, de acordo com os seus desenvolvedores.

© Sputnik / The Ministry of Defence of the Russian Federation / Abrir o banco de imagensNovo caça Su-57 na Síria
Caça Su-57 de 5ª geração é lançado em produção em série - Sputnik Brasil
Novo caça Su-57 na Síria

O Ministério da Defesa da Rússia assinou um contrato para compra de 76 caças Su-57 na exposição Exército 2019. A primeira aeronave deverá ser entregue à Força Aeroespacial russa em 2019.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала