Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Estratégia militar dos EUA prejudica estabilidade mundial, diz China

© REUTERS / KEVIN LAMARQUEPresidente dos EUA, Donald Trump, e o presidente chinês, Xi Jinping, durante a cúpula do G20, em Osaka, no Japão
Presidente dos EUA, Donald Trump, e o presidente chinês, Xi Jinping, durante  a cúpula do G20, em Osaka, no Japão - Sputnik Brasil
Nos siga no
A estratégia militar dos EUA enfraquece a estabilidade global e causou um aumento considerável nos gastos militares, diz o Livro Branco sobre defesa nacional publicado pelo Conselho de Estado da China.

"Os Estados Unidos corrigiram sua política de defesa nacional e sua estratégia militar, optando por uma política de ações unilaterais, que provocou uma tensa rivalidade entre os grandes países e aumentou os gastos militares", disse o documento.

O regime internacional de não-proliferação está comprometido em aumentar os padrões e enfrentar novos desafios, destaca o livro.

"O regime internacional de não-proliferação é comprometido pelo pragmatismo e pelo duplo padrão, e enfrenta novos desafios", disse o documento.

O livro ressalta ainda o crescimento de ameaças não tradicionais, como as cibernéticas.

"A rivalidade militar global está se intensificando. Grandes países estão reformando suas estratégias militares. Os EUA aspiram a dominação militar absoluta e a Rússia promove reformas militares para mostrar uma nova imagem", diz o documento.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала