'Golpe no prestígio dos EUA': por que norte-americanos procuram fraquezas nos sistemas russos S-400?

© Sputnik / Valery Melnikov / Abrir o banco de imagensSistema antiaéreo S-400
Sistema antiaéreo S-400  - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O sistema russo S-400 é um dos mais eficazes sistemas de defesa antiaérea existentes, mas ainda assim é vulnerável, disse a empresa privada de inteligência Stratfor (EUA).

De acordo com os especialistas da empresa, um ataque massivo pode representar uma ameaça a estes sistemas se os S-400 não forem apoiados por outros meios de defesa antiaérea.

O relatório também observa que o alcance dos S-400 pode chegar a 400 quilômetros, mas certas condições geográficas, como terreno montanhoso, podem reduzir a eficácia das capacidades de radar desses sistemas.

Eficiência depende dos operadores

Portanto, de acordo com a Stratfor, nas montanhas, o sistema S-400 pode abater um míssil de cruzeiro voando a baixa altitude não a centenas de quilómetros de distância, mas apenas a dezenas de quilómetros.

Em última análise, os especialistas da Stratfor enfatizam que a eficácia dos sistemas S-400 russos depende do país em que é usado e das capacidades dos operadores militares.

Vazamento à imprensa

No entanto, o analista Igor Korotchenko, diretor do Centro de Análise de Comércio Internacional de Armamento, explicou em uma entrevista à Sputnik na terça-feira (16) que esta publicação de especialistas americanos, que procuraram deficiências no sistema russo de defesa aérea S-400, é um vazamento à imprensa com objetivo de desinformação e tem a ver com a perda de clientes dos EUA para seus próprios complexos Patriot.

"As tentativas dos americanos de procurarem falhas no S-400 são compreensíveis, são causadas pela inveja do sucesso da Rússia, porque agora o S-400 é uma marca conhecida em todo o mundo, assim como fuzil de assalto Kalashnikov", disse ele.

Korotchenko adicionou que “mesmo um país como a Turquia, membro da OTAN, quis comprar estes sistemas e não os sistemas Patriot americanos. Isso atinge o prestígio dos Estados Unidos, tornando-os objeto de crítica e ridicularização".

Vitória estratégica

Além disso, o observador militar do diário russo Komsomolskaya Pravda e coronel aposentado Viktor Baranets acrescentou que os EUA sofreram uma derrota estratégica, perdendo a chance de resolver a questão da entrega de caças F-35 à Turquia.

"Os EUA sofreram uma derrota estratégica, perdendo a oportunidade de resolver a questão da entrega dos F-35 à Turquia. Se o sistema russo tem vulnerabilidades, por que dizem que a aquisição dos S-400 pela Turquia ameaçaria os caças americanos F-35?

Assim, de acordo com o especialista, "a Rússia obteve mais uma vitória estratégica ao aumentar o número de parceiros". E a Turquia está se tornando um desses parceiros porque os S-400 que acaba de adquirir representam não apenas uma arma, mas também uma "cooperação por muitos anos", conclui.

Características únicas

O S-400 é um moderno sistema de defesa antiaérea de longo alcance projetado para destruir aeronaves, mísseis de cruzeiro e balísticos, incluindo mísseis de médio alcance, podendo também ser usado contra instalações terrestres.

Tem um alcance de até 400 quilômetros e é capaz de atingir alvos voando a altitudes de até 30 quilômetros. A Turquia tornou-se o terceiro país (depois da Bielorrússia e da China) ao qual Moscou fornece estes sistemas. A Índia deve em breve juntar-se a eles.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала