Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Mídia chinesa avalia arma russa 'capaz de destruir aldeia inteira em 7 segundos'

© Sputnik / Yevgeny Byatov / Abrir o banco de imagensTOS-1 Solntsepyok
TOS-1 Solntsepyok - Sputnik Brasil
Nos siga no
A edição chinesa Sina publicou um artigo dedicado ao lança-foguetes pesado TOS-1A Solntsepyok, "terrível arma russa" que pode destruir uma aldeia em 7 segundos.

As capacidades deste sistema, que está ao serviço das Forças Armadas da Rússia há mais de uma década, permanecerão imbatíveis durante muito tempo, indica o autor. A publicação explica que, em condições urbanas, quando a área de operação é limitada e cercada por sólidas estruturas defensivas, os tanques e veículos blindados perdem sua eficácia.

"É por isso que o Exército russo estava à procura de formas de ultrapassar a situação e, como resultado, surgiu o sistema TOS-1A. Podemos dizer que sua criação aumentou significativamente a eficiência do Exército russo em condições de combates de rua" - diz o artigo.

Tipos de ogivas

As ogivas dos foguetes do TOS-1A podem ser de dois tipos: incendiárias (de trietilalumínio e combustível) e termobáricas. Quando o projétil atinge o alvo, o trietilalumínio e o combustível são inflamados por contato com o ar.

O autor explica que estas ogivas "libertam muito calor e destroem todo o oxigênio à sua volta. Portanto, na área de impacto de tais foguetes podem ser observadas altíssimas temperaturas, alta pressão e deficiência de oxigênio. Todos esses fatores levam a perdas humanas, mesmo entre aqueles que conseguem se esconder no subsolo".

Foguete termobárico

A ogiva do foguete termobárico utiliza o oxigênio do ar circundante para provocar uma explosão com altíssimas temperaturas. Na prática, a onda de explosão dura muito mais do que a produzida por um explosivo condensado convencional. A bomba de ar e combustível é um dos tipos mais conhecidos de armas termobáricas.

Características únicas

TOS-1A é montado em cima de um chassi de tanque e tem grande mobilidade. Está equipado com tubos para 24 foguetes que podem ser disparados simultaneamente em 7 segundos, sendo, por isso, capaz de "destruir uma aldeia inteira em 7 segundos".

O alcance de fogo do sistema TOS-1A chega a 12 quilômetros, o que é muito maior que o de um tanque lança-chamas convencional, com um alcance de apenas 100-200 metros. A capacidade destrutiva do sistema pesado TOS-1A Solntsepiok é apenas superada pelas armas nucleares táticas.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала