'Qualquer ataque do Irã será recebido com uma força grande e esmagadora', escreve Trump

© Sputnik / StringerPresidente dos EUA, Donald Trump, durante um encontro com eleitores, 18 de junho de 2019
Presidente dos EUA, Donald Trump, durante um encontro com eleitores, 18 de junho de 2019 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou nesta terça-feira (25) Teerã com uma dura resposta a qualquer ação hostil que o país pudesse tomar contra os EUA, reiterando suas declarações anteriores em que prometeu que tais ataques serão "o fim do Irã".

"A declaração ignorante e insultante do Irã, divulgada hoje, mostra apenas que eles não entendem a realidade", disse Trump via Twitter. "Qualquer ataque do Irã a qualquer elemento americano será recebido com grande e esmagadora força. Em algumas áreas, esmagadora significará obliteração."

Trump disse que a liderança iraniana está gastando todo o seu dinheiro em terror e pouco em qualquer outra coisa. O presidente dos EUA observou que os Estados Unidos não se esqueceram do uso que o Irã fez de dispositivos explosivos improvisados ​​e projéteis que mataram cerca de 2.000 americanos e feriram muitos mais.

Mais cedo nesta terça-feira (25), o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Abbas Mousavi, disse que as últimas sanções dos EUA contra a liderança de seu país irão fechar para sempre o caminho da diplomacia.

​Os Estados Unidos impuseram na segunda-feira sanções ao líder supremo do Irã, o aiatolá Ali Khamenei, e a oito comandantes da Marinha, Aeronáutica e Forças Terrestres do Irã, do Corpo de Guardas da Revolução Islâmica.

A decisão veio depois que o Irã anunciou na quinta-feira passada que derrubou um avião de vigilância americano sobrevoando a província costeira de Hormozgan após violar o espaço aéreo do Irã. O Comando Central dos EUA disse que o drone foi abatido enquanto operava em águas internacionais no Estreito de Hormuz.

Após o incidente, Trump disse que ordenou ataques a alvos no Irã, mas cancelou os ataques como resposta desproporcional e decidiu revelar novas sanções.

As tensões entre o Irã e os Estados Unidos aumentaram desde que Trump retirou os Estados Unidos do acordo nuclear de 2015 com o Irã e começou a impor novamente as sanções.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала