Adolescente tira FOTO do monstro do Lago Ness 'passando férias' em rio canadense

CC0 / GregMontani/Pixabay / Monstro do lago NessMonstro do lago Ness (apresentação artística)
Monstro do lago Ness (apresentação artística) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O duradouro mito do monstro do Lago Ness ganhou um segundo fôlego depois que um adolescente disse ter "as fotos mais precisas" da criatura em décadas.

Um estudante norte-americano tirou uma foto do que ele acredita ser o famoso monstro do Lago Ness — ou seu parente —, de férias a milhares de quilômetros de distância de sua "casa" na Escócia.

Escultura do monstro do lago Ness na Escócia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Alemães caçam suposto monstro do Lago Ness com método inusitado
Matthew D'Amico, um estudante de 17 anos da Flórida, estava caminhando em Banff, o primeiro parque nacional do Canadá na província de Alberta, quando se deparou com uma criatura nadando no rio.

"Todos os pelos do meu corpo se arrepiaram quando fiquei surpreso com o que vi na água", disse Matthew, conforme citado pela emissora escocesa STV News. "Depois de uma caminhada de uma hora, fizemos uma pausa em uma colina com uma excelente vista do Rio Bow, onde minha irmã e eu vimos o que parecia ser um animal aquático pré-histórico. Eu apontei minha irmã para o que estava vendo e ela também ficou chocada."

Uma das imagens mostra o que parece ser um pescoço saindo da água.

Monstro do lago Ness (apresentação artística) - Sputnik Brasil
Outra vez o 'monstro do lago Ness'? Criatura misteriosa é filmada na China (VÍDEO)

"Eu tenho o que eu acredito ser as fotos mais precisas do Monstro do Lago Ness capturadas desde a foto de 1933", afirmou Matthew. "Infelizmente, meus pais e minha irmã não conseguiram chegar antes que a criatura desaparecesse abaixo da superfície. Mas quando mostrei as fotos para minha família, eles também ficaram surpresos e pensaram a mesma coisa: definitivamente parece o Monstro do Lago Ness".

Os primeiros relatos do monstro remontam ao século VI, mas a lenda moderna ganhou destaque após uma foto publicada em 1934. Várias operações de busca submarina, estudos de sonar e rastreamento por satélite falharam em encontrar qualquer evidência que sustentasse a existência da criatura.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала