Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Irã não negociará com Trump até que EUA mostrem respeito, diz chanceler

© AP Photo / Petr David JosekChanceler do Irã Mohammad Javad Zarif
Chanceler do Irã Mohammad Javad Zarif  - Sputnik Brasil
Nos siga no
O ministro das Relações Exteriores do Irã, Javad Zarif, afirmou nesta terça-feira (21) que seu país não negociará com o presidente dos EUA, Donald Trump, até que Washington mostre respeito.

"Nós não temos a intenção de falar com pessoas que quebraram suas promessas", disse Zarif à CNN. "O Irã nunca negocia com coerção. Você não pode ameaçar um iraniano e esperar por cooperação. O caminho para fazer isso é através do respeito e não por ameaças".

Grupo de ataque liderado pelo porta-aviões USS Abraham Lincoln e grupo de prontidão do navio de assalto anfíbio USS Kearsage efetuam operação conjunta na área da operação da 5ª Frota, em 17 de maio de 2019 - Sputnik Brasil
Trump: Irã enfrentará 'grande força' em caso de agressão contra EUA
No dia 15 de maio, Trump deu uma declaração no Twitter de que está confiante que o Irã estaria disposto a negociar seu programa nuclear com os EUA em breve.

No entanto, os Estados Unidos desde então aumentou sua presença militar no Oriente Médio. O conselheiro de segurança nacional dos EUA, John Bolton, afirmou que esse movimento é uma mensagem direta ao Irã.

Os EUA recentemente enviaram à região um porta-aviões, mísseis Patriot, bombardeiros B-52 e jatos F-15, de acordo com o Departamento de Defesas dos EUA.

"Todos esses ativos militares em uma área pequena é algo propício a acidente", disse Zarif, que acrescentou que os "extrema prudência é requerida e os EUA estão jogando um jogo muito, muito perigoso".

Zarif reiterou que o Supremo Líder Aiotolá Ali Khamenei reiterou que o Irã não quer guerra com os EUA, mas que irá se defender caso seja atacado.

As tensões entre Irã e EUA aumentaram em 2018, após a saída unilateral dos EUA do Plano Conjunto de Ação Integral (JCPOA), reinstaurando sanções. Já em 8 de maio de 2019, o Irã anunciou que irá descontinuar parcialmente suas obrigações no acordo nuclear.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала