Kremlin diz que a Rússia não tem envolvimento prévio ou planos futuros de ataques hacker

Nos siga noTelegram
A Rússia nunca se envolveu em cibercrimes, embora o envolvimento dos Estados Unidos foi oficialmente confirmado, disse o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, em um comunicado divulgado nesta segunda-feira.

"O envolvimento de Washington em ataques cibernéticos neste caso está confirmado. Nós, ao contrário, dissemos, dizemos e continuaremos a dizer que o Estado russo não está envolvido e nunca esteve envolvido em cibercrimes", disse Peskov a repórteres, acrescentando que não possuía informações adicionais sobre o ataque.

O Secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, e o Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, posam para a imprensa após encontro às margens da Reunião Ministerial do Conselho do Árctico, em Rovaniemi, na Finlândia. - Sputnik Brasil
Rússia nega discussão entre Lavrov e Pompeo sobre interferência nas eleições dos EUA
Em uma entrevista no domingo com a Fox News, o presidente dos EUA, Donald Trump, confirmou que seu governo autorizou um ataque cibernético à Rússia durante as eleições de meio de mandato dos EUA no ano passado.

Os EUA acusaram a Rússia repetidas vezes de se intrometer em processos políticos por meio de ataques cibernéticos, particularmente durante a eleição presidencial de 2016 nos Estados Unidos e na votação do Brexit no Reino Unido. Moscou tem sido consistente em negar essas alegações.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала