Escavação revela complexo militar sob Colina do Parlamento no Canadá (FOTO)

Nos siga noTelegram
No início do século XIX, um quartel e prisão foram construídos para os trabalhadores do Canal Rideau.

Sob as árvores, flores e estátuas ao redor da Colina do Parlamento, foi descoberto um complexo militar que antecede tanto a Confederação quanto a fundação de Ontário.

​Escavação na Colina do Parlamento revela antigo complexo militar na Colina do Parlamento. 

Nobre Santuário ou Monte do Templo, na Cidade Velha de Jerusalém - Sputnik Brasil
Raro tesouro com nome bíblico é encontrado por arqueólogos em Jerusalém (FOTOS)

Os arqueólogos trabalham desde abril para desenterrar as ruínas do complexo como parte das renovações do Bloco Central, segundo o portal CBC.

Até o momento, eles descobriram quartéis, uma antiga casa de guarda e o que foi a primeira prisão da antiga cidade de Bytown.

O complexo também contém os restos do que havia na Colina do Parlamento antes da construção do Bloco Central, durante a época em que o Canal Rideau foi construído pela primeira vez.

"Este foi o quartel-general de toda a construção do canal para os soldados", disse Stephen Jarrett, gerente do projeto arqueológico da Centrus, um consórcio que fornece serviços de arquitetura e engenharia para a restauração do Bloco Central.

Três quartéis, uma casa de guarda, uma prisão, estábulos e cozinhas foram construídos na metade norte da colina desde 1826. Os itens descobertos incluem diversos itens militares e domésticos.

Viking (imagem ilustrativa) - Sputnik Brasil
Arqueólogos encontram o mais antigo DNA de vikings em... 'chiclete' (FOTO)

O complexo possuía diversas dependências com várias câmaras para acomodar os 150 soldados, além de aproximadamente 40 de suas esposas, que viviam no quartel.

No Ano Novo de 1855, Bytown se tornou uma cidade e foi renomeada de Ontário. Antes de Ontário se tornar a capital do país, ou até mesmo uma cidade, ela era uma cidade pequena que não tinha cadeia.

O custo da escavação gira em tono de US$ 1,2 milhão (R$ 4,9 milhões) e está sendo pago pelos serviços públicos e departamento de aquisições do Canadá como parte do orçamento para restaurar o Bloco Central.

Os artefatos serão limpos e analisados pelo departamento antes de serem colocados em exibição para o público.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала