Comitê de Investigação aponta eventuais causas da tragédia com avião comercial na Rússia

© Sputnik / Sergei MamontovChefe do Comitê de Investigação da Rússia Aleksandr Bastrykin (à esquerda) está no local do incêndio no Aeroporto Sheremetyevo
Chefe do Comitê de Investigação da Rússia Aleksandr Bastrykin (à esquerda) está no local do incêndio no Aeroporto Sheremetyevo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Peritos estão considerando algumas versões do que aconteceu no Aeroporto Sheremetyevo, comunicou a representante oficial do Comitê de Investigação russo, Svetlana Petrenko.

Dentre as principais versões se encaixariam qualificação insuficiente dos pilotos, dos controladores de tráfego aéreo e dos funcionários que efetuam a inspeção técnica do avião, mau estado da aeronave e condições meteorológicas desfavoráveis, apontou Petrenko.

Um Airbus A320 da Aeroflot decola de aeroporto internacional de Sheremetievo. - Sputnik Brasil
Comitê de Investigação: há ao menos 13 mortos após incêndio em avião no aeroporto de Moscou
O Comitê Interestatal de Aviação (MAK, na sigla em russo) vai abrir e decifrar em breve a caixa preta, que foi encontrada no local do incêndio do Sukhoi Superjet 100, revelou à Sputnik uma fonte conhecedora da situação. 

Anteriormente, o ministro do Transporte da Rússia, Yevgeny Ditrikh, declarou a jornalistas que não há razões para suspender voos do Sukhoi Superjet 100. 

No domingo (5), um avião Superjet 100 da companhia aérea russa Aeroflot, que estava voando de Moscou a Murmansk, enfrentou problemas assim que decolou da capital russa, fazendo com que fosse obrigado a voltar e realizar pouco de emergência. Como resultado, 41 pessoas, que estavam a bordo, morreram, sendo que havia 78 pessoas na aeronave.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала