Capacetes brancos preparam novas provocações na Síria, diz enviado russo na ONU

© AP Photo / Uncredited / Source: Syrian Civil Defense White HelmetsCapacetes Brancos limpando destroços de uma casa que foi atingida por um ataque aéreo do governo da Síria, em Idlib, 10 de setembro de 2010
Capacetes Brancos limpando destroços de uma casa que foi atingida por um ataque aéreo do governo da Síria, em Idlib, 10 de setembro de 2010 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Membros dos Capacetes Brancos estão preparando novas provocações com substâncias tóxicas na Síria, disse o vice-embaixador russo na ONU, Vladimir Safronkov, nesta quarta-feira (24) na reunião do Conselho de Segurança da ONU.

Safronkov observou que os Capacetes Brancos acusariam o governo sírio pelo uso de tais substâncias.

Mais cedo nesta quarta-feira (24), o Major General Viktor Kupchishin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria, argumentou que funcionários da mídia estrangeira na província síria de Hama conduziram uma filmagem falsa da "morte" de uma família supostamente devido ao uso de armas químicas pelas tropas sírias.

Tanque russo T-62 na Síria (arquivo) - Sputnik Brasil
Polícia militar russa encontra tanque de militantes escondido na Síria
Em diversas ocasiões, Moscou e Damasco apontaram que os Capacetes Brancos estavam produzindo provocações envolvendo o uso de armas químicas com o objetivo de culpar o governo da Síria e dar aos países ocidentais justificativas para a intervenção no país.A estratégia de encenar ataques para usá-los como falsa bandeira tem sido usada repetidamente pela ONG. Em abril de 2018, o grupo publicou filmagens de médicos em hospitais de Duma tratando pacientes que supostamente teriam sofrido um ataque químico pelo Exército sírio.

Em 7 de abril daquele ano, notícias sobre o uso de agentes químico em Ghouta surgiram em algumas mídias, citando que havia militantes da região.

Diversos países ocidentais, incluindo a França, os EUA e o Reino Unido, rapidamente acusaram o presidente da Síria, Bashar Assad, de ter utilizado bombas de cloro em civis.

Damasco negou as acusações e apontando os ataques como uma provocação encenada para justificar uma intervenção estrangeira.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала