Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Moscou afirma que Washington deve pôr fim à ocupação ilegal da Síria na zona de Rukban

© AP Photo / Raad Adayleh Acampamento de refugiados Rukban no sul da Síria (arquivo)
Acampamento de refugiados Rukban no sul da Síria (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Moscou apela aos EUA para porem fim à ocupação ilegal do território na zona do campo de Rukban, na Síria, declarou o ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov.

"Estamos dispostos a examinar quaisquer passos que contribuam para a saída dos refugiados do campo de Rukban, mas acredito que a solução mais simples e eficaz seria a cessação da ocupação ilegal desse território pelos EUA", declarou Lavrov à mídia no âmbito do encontro com seu homólogo da Jordânia, Ayman Safadi.

Além disso, o ministro declarou que os militares americanos colaboram com grupos armados ilegais na zona de Al-Tanf.

"Os americanos declararam unilateralmente a criação de uma zona de segurança com um raio de 55 quilômetros na área de Al-Tanf. Não se percebe como eles justificam sua presença ilegal, sendo de fato uma presença de ocupação. O campo de Rukban fica dento dessa zona. Em torno dela, há muitas formações armadas ilegais, com as quais os americanos colaboram e, pelo que sei, ajudam-nas a recuperar-se", afirmou o chanceler russo.

Campo de refugiados de Rukban - Sputnik Brasil
Cerca de mil pessoas deixaram o campo de refugiados de Rukban, diz Rússia
Na área de Al-Tanf, perto da fronteira sírio-jordaniana, se localiza uma base militar dos EUA. O campo de Rukban fica na zona de 55 quilômetros em torno da base controlada pelos militares dos EUA. 

Os militares russos, bem como as chancelarias da Síria e da Rússia, têm declarado repetidamente que a situação no campo está à beira de uma catástrofe humanitária.

Em janeiro, a Organização Mundial da Saúde (OMS) denunciou que as pessoas que vivem neste campo estavam "em condições deploráveis" e se tornavam "presas fáceis" de terroristas. O suprimento limitado de água, o clima extremamente frio e o mau funcionamento das instalações de saúde contribuem para o aumento das doenças, que incluem a gripe, o sarampo, a tuberculose e as doenças respiratórias crônicas, de acordo com a OMS.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала