Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Conheça 'irmão caçula' do Cristo Redentor, o mais alto do Oriente Médio (FOTOS, VÍDEO)

© Sputnik / Majed BadawiEstátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria
Estátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Cristo Redentor do Rio, o mais famoso do mundo, tem vários "irmãos" espalhados pelo mundo, inclusive no Oriente Médio, que foi inaugurado em 2013 e, devido às ações de combate, aberto para turistas somente agora.

No mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria, peregrinos e turistas podem agora apreciar a maior escultura de Cristo no Oriente Médio, obra do escultor russo Aleksandr Rukavishnikov. 

A estátua foi erguida em 2013, no topo da montanha de Querubins, em época de intensas ações de combate. O mosteiro foi frequentemente atingido por fogo de terroristas. 

O mosteiro fica a 40 quilômetros da capital síria, Damasco, e a 2.100 metros acima do nível do mar. Junto com o pedestal, a altura da estátua corresponde a 32 metros, sendo apenas seis metros menor do que o Cristo Redentor, que tem 38 metros.

© Sputnik / Majed BadawiEstátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria
Estátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria - Sputnik Brasil
Estátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria
O abade do mosteiro, padre Uhana al Tali, em entrevista à Sputnik Árabe, contou que a estátua já realizou milagres, inclusive na luta contra os terroristas.

"Em 2013, a estátua foi instalada […] Começou uma série de vitórias sobre os terroristas. Os refugiados voltaram para casa, a vida pacífica começou a se recuperar. Agora, da forma mais segura possível, ao nosso mosteiro podem chegar pessoas de todos os lados, pois todos os caminhos estão abertos", disse.

© Sputnik / Majed BadawiEstátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria
Estátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria - Sputnik Brasil
Estátua de Cristo no mosteiro ortodoxo de Querubins, na Síria
Por algum tempo, o mosteiro permaneceu sendo controlado por terroristas. Os combatentes conquistaram o mosteiro, e sem encontrarem armamento e soldados, começaram a arruinar as construções. Posteriormente, os terroristas mantiveram o controle sobre o topo da montanha como um ponto estratégico. O exército sírio e moradores locais conseguiram retomar o controle sobre o mosteiro. A estátua de Cristo permaneceu milagrosamente intacta.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала