Turquia se nega a revender sistema antiaéreo russo S-400

© Sputnik / Grigory Sysoev / Abrir o banco de imagensSistema de defesa antiaérea S-400
Sistema de defesa antiaérea S-400 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Turquia não pretende revender o sistema antiaereo russo S-400, garantiu Ömer Çelik, porta-voz do Partido de Justiça e Desenvolvimento. Estados Unidos pressiona Ancara para se desfazer dos equipamentos.

"Esses sistemas são feitos na Rússia. Estamos comprando-os e não pretendemos revendê-los para outro país. Pagamos por dois S-400 e estamos aguardando a entrega deles em julho", disse ele.

O desejo de comprar sistemas russos S-400 levou a um agravamento das relações EUA-Turquia. Washington teme que o sistema exponha os pontos fracos do F-35 e que seja incompatível com as defesas da OTAN. Os EUA pediram a Ancara que desistisse do contrato, oferecendo sistemas Patriot e ameaçando interromper a entrega dos caças.

Sistema de mísseis americano Patriot, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Poderá Turquia ficar sem caças F-35 e sistemas Patriot por querer comprar S-400 russos?
A Turquia ignorou as ameaças de Washington e afirmou que o S-400 não representa uma ameaça aos F-35, pois será operado pelos militares turcos. Ancara teria se oferecido para permitir que Washington estudasse os sistemas russos quando eles fossem entregues, mas a informação foi oficialmente negada pelo ministro da Defesa turco, Hulusi Akar.

Mais cedo, o Departamento de Defesa dos EUA ameaçou que, se a Turquia adquirisse sistemas russos S-400, Washington seria forçado a cortar seu relacionamento militar com Ancara e não entregar F-35s e Patriots. Ao mesmo tempo, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, reafirmou o compromisso de seu país com o acordo pelos S-400 com a Rússia, acrescentando que a aquisição dos  sistemas avançados S-500 também está na mesa.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала