Vida por um triz: animais 'extintos' que conseguiram sobreviver

Nos siga noTelegram
Alguns desses animais passaram um longo período sendo considerados extintos, enquanto outros estão à beira da extinção. Pesquisadores de todo o mundo exercem todos os esforços para preservá-los.

A Sputnik apresenta as espécies extremamente raras que até hoje habitam nosso planeta.

CC BY 2.0 / Brian Gratwicke / Gastrotheca cornutaGastrotheca cornuta representa uma espécie de anfíbio da família Hemiphractidae. Pode ser encontrada em alguns países da América do Sul onde seu habitat natural inclui florestas subtropicais ou tropicais húmidas de baixa altitude e rios. Atualmente, está ameaçada por perda de habitat.
Gastrotheca cornuta representa uma espécie de anfíbio da família Hemiphractidae. Pode ser encontrada em alguns países da América do Sul onde seu habitat natural inclui florestas subtropicais ou tropicais húmidas de baixa altitude e rios. Atualmente, está ameaçada por perda de habitat - Sputnik Brasil
1/12
Gastrotheca cornuta representa uma espécie de anfíbio da família Hemiphractidae. Pode ser encontrada em alguns países da América do Sul onde seu habitat natural inclui florestas subtropicais ou tropicais húmidas de baixa altitude e rios. Atualmente, está ameaçada por perda de habitat.
CC BY-SA 3.0 / Richard Crossley / Bermuda Petrel From The Crossley ID Guide Eastern BirdsPetrel de Bermuda é uma das espécies marinhas pelágicas mais ameaçadas do mundo.
Petrel de Bermuda é uma das espécies marinhas pelágicas mais ameaçadas do mundo - Sputnik Brasil
2/12
Petrel de Bermuda é uma das espécies marinhas pelágicas mais ameaçadas do mundo.
© Foto / Public domain/Dave PapeParachoerus wagneri ou taguá é uma espécie de mamífero artiodáctilo da família Tayassuidae. Hoje sua população é estimada em cerca de 3.000 indivíduos.
Parachoerus wagneri ou taguá é uma espécie de mamífero artiodáctilo da família Tayassuidae. Hoje sua população é estimada em cerca de 3.000 indivíduos - Sputnik Brasil
3/12
Parachoerus wagneri ou taguá é uma espécie de mamífero artiodáctilo da família Tayassuidae. Hoje sua população é estimada em cerca de 3.000 indivíduos.
CC BY-SA 3.0 / Granitethighs / Lord Howe Island phasmid Dryococelus australis, principalmente conhecido como lagosta-das-árvores, é uma espécie de bicho-pau endêmica da ilha Lord Howe, a cerca de 600 km da costa da Austrália.
Dryococelus australis, principalmente conhecido como lagosta-das-árvores, é uma espécie de bicho-pau endêmica da ilha Lord Howe, a cerca de 600 km da costa da Austrália - Sputnik Brasil
4/12
Dryococelus australis, principalmente conhecido como lagosta-das-árvores, é uma espécie de bicho-pau endêmica da ilha Lord Howe, a cerca de 600 km da costa da Austrália.
CC BY-SA 4.0 / Dr. Raju Kasambe / Clouded Leopard Neofelis nebulosa (cropped image) Em fevereiro, pesquisadores de Taiwan asseguraram que, ao patrulhar a área sudeste da ilha, duas vezes notaram o leopardo nebuloso de Formosa – uma espécie considerada extinta desde 2013.
Em fevereiro, pesquisadores de Taiwan asseguraram que, ao patrulhar a área sudeste da ilha, duas vezes notaram o leopardo nebuloso de Formosa – uma espécie considerada extinta desde 2013 - Sputnik Brasil
5/12
Em fevereiro, pesquisadores de Taiwan asseguraram que, ao patrulhar a área sudeste da ilha, duas vezes notaram o leopardo nebuloso de Formosa – uma espécie considerada extinta desde 2013.
© Foto / Public domain/M. Falk Takahe é uma ave da família Rallidae, endêmica da Nova Zelândia. O takahe é o maior ralídeo existente na atualidade, com uns 63 cm de comprimento. No entanto, essa espécie está à beira de extinção.
Takahe é uma ave da família Rallidae, endêmica da Nova Zelândia. O takahe é o maior ralídeo existente na atualidade, com uns 63 cm de comprimento. No entanto, essa espécie está à beira de extinção - Sputnik Brasil
6/12
Takahe é uma ave da família Rallidae, endêmica da Nova Zelândia. O takahe é o maior ralídeo existente na atualidade, com uns 63 cm de comprimento. No entanto, essa espécie está à beira de extinção.
© Foto / Public domain/New York Zoological Society Solenodon cubanus, popularmente conhecido como almiqui de Cuba, é uma espécie endêmica da ilha de Cuba. Esse animal está na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN) das espécies ameaçadas, também conhecida como Lista Vermelha da IUCN.
Solenodon cubanus, popularmente conhecido como almiqui de Cuba, é uma espécie endêmica da ilha de Cuba. Esse animal está na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN) das espécies ameaçadas, também conhecida como Lista Vermelha da IUCN - Sputnik Brasil
7/12
Solenodon cubanus, popularmente conhecido como almiqui de Cuba, é uma espécie endêmica da ilha de Cuba. Esse animal está na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN) das espécies ameaçadas, também conhecida como Lista Vermelha da IUCN.
© AFP 2022 / Karen BleierUm exemplar de peixe da ordem Coelacanthiformes representado no Museu Nacional de História Natural em Washington.
Um exemplar de peixe da ordem Coelacanthiformes representado no Museu Nacional de História Natural em Washington - Sputnik Brasil
8/12
Um exemplar de peixe da ordem Coelacanthiformes representado no Museu Nacional de História Natural em Washington.
© AFP 2022 / Rodrigo BuendiaEm meados de fevereiro, em uma das ilhas de Galápagos, foi descoberta a tartaruga Chelonoidis phantasticus, considerada por mais de um século extinta.
Em meados de fevereiro, em uma das ilhas de Galápagos, foi descoberta a tartaruga Chelonoidis phantasticus, considerada por mais de um século extinta - Sputnik Brasil
9/12
Em meados de fevereiro, em uma das ilhas de Galápagos, foi descoberta a tartaruga Chelonoidis phantasticus, considerada por mais de um século extinta.
CC BY 3.0 / RW Taylor, CSIRO Entomology / Dinosaur or Fossil Ants Nothomyrmecia macropsPrionomyrmex macrops é uma espécie de formiga que habita o sul da Austrália. No entanto, as possíveis ameaças para sua sobrevivência incluem a destruição de seu habitat e a mudança climática.
Prionomyrmex macrops é uma espécie de formiga que habita o sul da Austrália. No entanto, as possíveis ameaças para sua sobrevivência incluem a destruição de seu habitat e a mudança climática - Sputnik Brasil
10/12
Prionomyrmex macrops é uma espécie de formiga que habita o sul da Austrália. No entanto, as possíveis ameaças para sua sobrevivência incluem a destruição de seu habitat e a mudança climática.
© Depositphotos / NatursportsLagarto gigante de El Hierro é uma espécie de réptil rara que habita a ilha com o mesmo nome – El Hierro – uma das Ilhas Canárias.
Lagarto gigante de El Hierro é uma espécie de réptil rara que habita a ilha com o mesmo nome – El Hierro – uma das Ilhas Canárias - Sputnik Brasil
11/12
Lagarto gigante de El Hierro é uma espécie de réptil rara que habita a ilha com o mesmo nome – El Hierro – uma das Ilhas Canárias.
CC BY-SA 4.0 / Masood Lohar / Esquilo-voador é uma espécie extremamente rara que habita as florestas coníferas de grande altitude associada com rochas e cavernas.
Esquilo-voador é uma espécie extremamente rara que habita as florestas coníferas de grande altitude associada com rochas e cavernas - Sputnik Brasil
12/12
Esquilo-voador é uma espécie extremamente rara que habita as florestas coníferas de grande altitude associada com rochas e cavernas.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала