Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Exército venezuelano envia tropas para a fronteira com Colômbia

© AP Photo / Rodrigo AbdMilitares venezuelanos na fronteira com a Colômbia
Militares venezuelanos na fronteira com a Colômbia - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Comando Estratégico Operacional das Forças Armadas da Venezuela ordenou posicionar tropas na fronteira com a Colômbia, após fechar os postos de controle fronteiriços.

As informações foram divulgadas na conta oficial do Twitter do Comando Estratégico Operacional das Forças Armadas Nacionais Bolivarianas (CEOFANB).

​Cumprindo as instruções de nosso  comandante em chefe @NicolasMaduro [presidente da Venezuela] o Comandante @CeballosIchaso ordenou ao Sistema Defensivo Territorial #FANB posicionar tropas operacionais na fronteira colombiano-venezuelana para proteger a paz e segurança do povo após o fechamento da fronteira.

Ao mesmo tempo, o deputado da oposição, Conrado Pérez, escreveu na sua conta do Twitter que as tropas de Maduro usaram gás lacrimogêneo na fronteira com a Colômbia para não permitir que a ajuda humanitária dos EUA chegue às mãos da oposição.

​A Guarda Nacional ataca nossa caravana humanitária com bombas lacrimogêneas e balas. Querem nos impedir de chegar  à ponte e receber a ajuda humanitária, mas não o conseguirão Força da #Venezuela e #Trujillo

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, faz sinal com as mãos depois de chegar à base militar de Forte Tiuna, em Caracas, Venezuela, 30 de janeiro de 2019 - Sputnik Brasil
'Ajuda à Venezuela só deve ser autorizada por Maduro', diz enviado sul-africano na ONU
Ontem (22), as autoridades venezuelanas decidiram fechar temporariamente três pontes que ligam a Colômbia e a Venezuela antes da entrega de ajuda humanitária, planejada pela oposição do país.

A oposição, liderada por Juan Guaidó, que se autoproclamou presidente interino da Venezuela, espera que a ajuda humanitária chegue ao país hoje, sábado. A ajuda humanitária dos EUA foi coletada até agora em centros logísticos em Roraima, no Brasil, Cúcuta, na Colômbia, e na ilha caribenha de Curaçao.

O presidente venezuelano Nicolás Maduro disse anteriormente que a Venezuela fechou a fronteira com o Brasil e estava considerando fechar a fronteira com a Colômbia. Ele alertou que os EUA e seus aliados estavam usando "o pretexto de fornecer ajuda humanitária" para tentar "destruir a independência e a soberania do país".

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала