Chanceler austríaco defende parceria com Rússia pela construção do gasoduto Nord Stream 2

© Sputnik / Evegeni Bijatow / Abrir o banco de imagensSebastian Kurz
Sebastian Kurz - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Áustria está interessada em fornecimento energia confiável e continuará promovendo o projeto do gasoduto Nord Stream 2, liderado pela Rússia, apesar da posição negativa dos Estados Unidos sobre o assunto, disse o chanceler austríaco, Sebastian Kurz.

Na quarta-feira, Kurz foi recebido pelo presidente dos EUA, Donald Trump, na Casa Branca.

"[Trump] disse claramente que os Estados Unidos são contra este projeto. Estamos cientes disso. Apoiamos este projeto porque estamos interessados ​​em fontes confiáveis ​​de energia para a Áustria. (…) Finalmente, há algum tipo de acordo sobre este projeto na Europa e vamos promover ainda mais este projeto", disse Kurz em entrevista à emissora austríaca ORF.

Gasoduto russo - Sputnik Brasil
Especialista: pressão dos EUA contra Nord Stream 2 e Rússia na Europa é inútil
"Comprar gás dos Estados Unidos não seria um problema para nós. Mas, desde que o preço da Rússia seja melhor que o dos Estados Unidos, a Rússia é mais atraente para nós como parceira nessa questão. Acreditamos que, como ex-empresário, [Trump] pode entender que temos interesses diferentes aqui ", apontou o chanceler.

O Nord Stream 2 (Corrente do Norte 2) é uma joint venture entre a gigante de gás russa Gazprom e cinco empresas europeias. O objetivo é fornecer 55 bilhões de metros cúbicos (1,9 trilhão de pés cúbicos) de gás natural russo anualmente para a União Europeia.

O projeto do gasoduto foi bem acolhido por alguns países da Europa e contrariado por outros que levantam preocupações sobre o alegado perigo da dependência da Europa em relação à Rússia e o subsequente papel diminuído do trânsito de gás pelo território da Ucrânia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала