Hezbollah diz que Trump é 'hipócrita' sobre papel dos EUA na luta contra o Daesh

© AFP 2022 / Anwar AmroLíder do Hezbollah, Hassan Nasrallah
Líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O líder do grupo Hezbollah criticou o presidente dos EUA, Donald Trump, antes de sua esperada declaração de vitória contra o grupo terrorista Daesh na Síria.

Hassan Nasrallah disse neste sábado (16) que, não fossem os EUA, as forças do governo sírio, apoiadas por combatentes do Hezbollah, teriam derrotado os extremistas há muito tempo.

As forças sírias recuperaram do Daesh todas as áreas a Oeste do rio Eufrates até o fim de 2017, enquanto que no lado Leste, é esperado que os combatentes curdos apoiados pelos EUA encerrem sua batalha contra o grupo extremista nos próximos dias.

Nasrallah disse que a declaração de vitória contra o Daesh será feita pelo "maior hipócrita do mundo, o presidente americano Donald Trump".

Sergei Lavrov. - Sputnik Brasil
Venezuela precisa de diálogo e não de ultimatos, diz Lavrov
Um comandante das forças curdas em combate ao Daesh disse que está se aproximando do último reduto de terroristas do grupo extremista em uma pequena área de menos de um quilômetro quadrado no leste da Síria e em breve poderia declarar vitória.

Ontem, Trump afirmou que a Casa Branca faria um anúncio sobre a luta contra o Daesh até o fim deste sábado. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала