Frente fria paralisa centro e norte dos EUA e provoca dez mortes

© REUTERS / IRSHAAD GOEDAR/via REUTERSSteam is seen above Lake Michigan during subzero temperatures carried by the polar vortex in Chicago, Illinois, U.S., January 30, 2019, in this picture obtained from social media
Steam is seen above Lake Michigan during subzero temperatures carried by the polar vortex in Chicago, Illinois, U.S., January 30, 2019, in this picture obtained from social media - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Temperaturas de quase 40 graus Celsius abaixo de zero em áreas do centro e norte dos EUA paralisaram as atividades de escolas, do governo e de diversos serviços nesta quinta-feira. O frio extremo deixou pelo menos 13 mortos.

O prefeito de Chicago, Rahm Emanuel, disse que "este é um frio histórico, mas os moradores de Chicago são historicamente fortes e unidos diante da adversidade, nossa primeira prioridade é a segurança de nossos habitantes".

Garota tira foto do rio Chicago tomado pelo vórtice polar que atingiu a maioria dos estados norte-americanos ocidentais e centrais - Sputnik Brasil
Forjados a frio recorde, EUA enfrentam -50°C
O frio foi provocado por um ciclone de grande escala, no qual os ventos estão concentrados no Ártico, mas podem atingir áreas mais ao sul.

O escritório do Serviço Nacional de Meteorologia em Chicago disse que a cidade enfrentou temperaturas de mais de 20 graus abaixo de zero por 48 horas.

As aulas foram canceladas até segunda-feira, disseram as autoridades, enquanto os escritórios do governo que foram fechados desde terça-feira serão abertos na sexta-feira, e os serviços também retomarão suas funções.

Rios e lagos estão parcialmente congelados. As estradas estão com camadas de gelo. Essas foram as imagens características do frio que afetou vários estados esta semana.

Na cidade de Rockford (Illinois) a temperatura bateu um recorde e chegou a quase 40 graus abaixo de zero com uma sensação térmica de 48 graus abaixo de zero.

Os meteorologistas previram um aumento de temperatura no fim de semana, alertando para possíveis inundações também para a próxima semana em função do degelo.

De acordo com a mídia local, citando especialistas forenses, pelo menos 13 pessoas morreram nos estados de Minnesota, Illinois, Iowa, Wisconsin e Michigan devido ao frio, congelados em suas casas ou na rua ou devido a acidentes de trânsito.

De acordo com o site Flight Aware, que divulga informações sobre vôos comerciais de todo o mundo, 2.356 vôos foram cancelados, de ou para os EUA, enquanto 3.970 foram atrasados.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала