National Interest prediz futuro do novo drone de combate russo 'Caçador-B'

© Foto / Instagram/Fighter_bomber_Possível foto do veículo aéreo não tripulado russo Okhotnik
Possível foto do veículo aéreo não tripulado russo Okhotnik - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Rússia está desenvolvendo um novo veículo aéreo militar não tripulado, o Okhotnik-B (Caçador, em russo) - projeto que tem chance de ser bem sucedido, escreve a edição The National Interest.

Recentemente, na Internet foram divulgadas imagens do drone, construído em forma de "asa voadora" com uma fuselagem reduzida. Os internautas denominaram-no imediatamente de "Caçador". As primeiras fotos da aeronave apareceram ainda em 2017.

Segundo especialistas entrevistados pela revista, Moscou agora está envolvida em vários projetos relacionados aos VANTs, e o novo veículo é o resultado do que os desenvolvedores têm feito até hoje.

A publicação lembra que, em 2007, a empresa de aviação russa MiG mostrou um protótipo do drone a jato Skat, mas depois o trabalho no projeto cessou. Para criar uma nova arma, eram necessários novos fundos, bem como a experiência na Síria. Os especialistas asseguram que que o sucesso da Força Aeroespacial da Rússia na Síria foi principalmente alcançado graças aos veículos não tripulados, drones. No entanto, estes não demonstraram grande precisão no campo de batalha.

Instrutora do Ministério da Defesa russo manuseia controle de um drone - Sputnik Brasil
Novo drone de combate russo poderá 'dificultar a vida' dos militares americanos, diz BI
Note-se que em 2019 estão previstos testes de um novo drone. De acordo com especialistas, o Okhotnik-B russo será o veículo não tripulado mais pesado e rápido do o exército russo: voará a uma velocidade de quase mil quilômetros por hora e pesará cerca de 20 toneladas, motivo pelo qual os desenvolvedores terão que lidar com vários problemas relacionados à aerodinâmica, eletrônica e outras questões tecnológicas.

Além disso, acreditam os especialistas, o drone requer meios de ataque pequenos e de alta precisão, cuja criação também pode levar tempo.

No entanto, escreve a revista, a probabilidade de o "Caçador" finalmente entrar em serviço é grande.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала