Reino Unido declara apoio a Guaidó como presidente da Assembleia Nacional

© REUTERS / Carlos Garcia RawlinsJuan Guaidó durante manifestação contra o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, em Caracas
Juan Guaidó durante manifestação contra o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, em Caracas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Reino Unido apoia o presidente do Parlamento venezuelano, Juan Guaidó, disse um porta-voz do Gabinete da primeira-ministra britânica, Theresa May.

"Apoiamos plenamente a Assembleia Nacional democraticamente eleita, com Juan Guaidó no comando", disse ele a repórteres.

Segundo o porta-voz, "as eleições presidenciais realizadas em 2018 na Venezuela não foram nem justas nem livres, enquanto a base de poder é extremamente frágil".

Líder da oposição, Juan Guaidó, durante manifestação em Caracas, Venezuela - Sputnik Brasil
EUA reconhecem Guaidó: 'plano de intervenção' da Venezuela
Ele também afirmou que a Venezuela deu um passo errado ao romper relações diplomáticas com os Estados Unidos e expulsar diplomatas norte-americanos.

"Quanto aos Estados Unidos, acreditamos que é absolutamente inaceitável que a Venezuela rompa relações diplomáticas, a solução para a crise só pode ser encontrada através da busca de uma solução diplomática pacífica, e não através das expulsões [de diplomatas]", o porta-voz disse.

No dia 23 de janeiro, o chefe da Assembleia Nacional da Venezuela, (parlamentar unicameral, de maioria de oposição e atualmente desprezado), Juan Guaidó, proclamou-se "presidente encarregado" do país antes de uma manifestação nas ruas de Caracas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала