Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA iniciam retirada de equipamentos militares da Síria, diz mídia

© AP Photo / Hussein MallaSoldado norte-americano, à esquerda, sentado em veículo blindado perto da tensa linha de frente entre o Conselho Militar de Manbij, apoiado pelos EUA, e os combatentes apoiados pelos turcos, em Manbij, norte da Síria, 4 de abril de 2018
Soldado norte-americano, à esquerda, sentado em veículo blindado perto da tensa linha de frente entre o Conselho Militar de Manbij, apoiado pelos EUA, e os combatentes apoiados pelos turcos, em Manbij, norte da Síria, 4 de abril de 2018 - Sputnik Brasil
Nos siga no
Os EUA começaram a retirada dos equipamentos militares terrestres da Síria, relata o canal CNN, citando uma fonte do governo norte-americano.

"Algumas cargas já foram retiradas", disse a fonte, observando que isso ocorreu nos últimos dias.

Por razões de segurança, não foi especificado que tipo de equipamento está sendo removido do território sírio. Não se sabe também se a remoção é efetuada por transporte aéreo ou terrestre.

Um soldado turco no veículo militar blindado patrulha a beira entre a Turquia e a Síria, perto da vila de Besarslan do sudeste, na província de Hatay, Turquia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Turquia apela para coordenar com Rússia e Irã saída dos EUA da Síria
Além disso, não foi divulgada a região onde a operação está sendo conduzida. No entanto, observadores supõem que a retirada do contingente teria começado no norte da Síria.

Em 19 de dezembro, Donald Trump declarou a vitória dos EUA contra o Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em vários outros países) na Síria, destacando que o grupo terrorista era o único motivo pelo qual as tropas norte-americanas se encontravam no país árabe. Posteriormente, a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, afirmou que os Estados Unidos iniciaram a retirada das forças da Síria, observando que isso não significaria "o fim da luta da coalizão internacional liderada pelos EUA contra o Daesh". 

Desde 2014, os EUA e seus aliados têm realizado uma operação contra o Daesh no Iraque e na Síria. Os norte-americanos operam sem a permissão das autoridades sírias que consideram essas ações como ocupação. Havia cerca de dois mil militares dos EUA no país que, junto com as Forças Democráticas da Síria, controlavam territórios no leste e no nordeste, ricos em recursos naturais.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала