Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Tóquio diz continuar interessada em negociações do tratado de paz com Moscou

© Sputnik / Konstantin Salomatin / Abrir o banco de imagensO avião do primeiro-ministro do Japão Shinzo Abe no aeroporto de Pulkovo, São Petersburgo
O avião do primeiro-ministro do Japão Shinzo Abe no aeroporto de Pulkovo, São Petersburgo - Sputnik Brasil
Nos siga no
Tóquio continuará negociando tratado de paz com Moscou, buscando a resolução da disputa territorial entre os dois países quanto às ilhas Curilas, disse um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores japonês à Sputnik nesta quinta-feira.

"O governo japonês continuará insistentemente mantendo as negociações com base em sua posição de princípio, que busca concluir um tratado de paz depois de resolver a questão territorial. Essa é a posição do governo", disse o porta-voz.

Primeiro-ministro japonês Shinzo Abe e presidente russo Vladimir Putin durante o Fórum Econômico Oriental - Sputnik Brasil
Tratado de Paz com a Rússia beneficia os EUA, diz premiê do Japão
O porta-voz do ministério também disse que o Ministério das Relações Exteriores do Japão se abstém de comentar a convocação do Ministério das Relações Exteriores russo ao embaixador japonês Toyohisa Kozuki.

"Em termos da necessidade de manter as negociações entre japoneses e russos sobre o tratado de paz em uma atmosfera calma e tranquila, nós nos abstivemos de responder à pergunta. O embaixador Kozuki explicou em detalhes ao vice-ministro das Relações Exteriores [Igor] Morgulov a posição. do nosso país", disse o porta-voz.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia convocou Kozuki na quarta-feira, citando os recentes comentários da liderança japonesa sobre a questão do tratado de paz, que, segundo Moscou, procurou estimular artificialmente as tensões em torno das negociações sobre o acordo bilateral.

O Japão e a Rússia nunca assinaram um tratado de paz permanente após o fim da Segunda Guerra Mundial, já que o Japão afirma há anos que um grupo das Ilhas Curilas deveria ser reconhecido como parte de seu território como pré-condição para a assinatura do documento.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала