Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Gravidade de Júpiter e vento solar: conheça as forças que poderiam ter formado a Terra

CC0 / Pixabay/kalhh / Sol afeta planetas ao seu redor (apresentação artística)
Sol afeta planetas ao seu redor (apresentação artística) - Sputnik Brasil
Nos siga no
Uma nova teoria explica o que contribuiu para o surgimento do nosso planeta na fase inicial de formação do Sistema Solar e revela de onde provêm as matérias inexplicáveis que se encontram no interior da Terra.

A Terra poderia ter se se formado a partir de um conjunto de rochas próximas ao Sol, quando o vento solar e a força da gravidade de Júpiter se juntaram, segundo um estudo do pesquisador Christopher Spalding, do Departamento de Astronomia da Universidade de Yale, EUA.

No âmbito da investigação, o especialista criou uma nova simulação do período inicial do Sistema Solar. Nesse modelo, as rochas primitivas teriam se afastado do Sol e se juntado aos planetas em desenvolvimento, dando origem à criação de Mercúrio, Vênus e a Terra, comunica o Daily Mail.

"É a interação de dois fenômenos: Júpiter começa e o vento solar termina o trabalho", disse o pesquisador à revista New Scientist.

Etapa inicial do Sistema Solar

Uma parte pequena da Via Láctea (imagem referencial) - Sputnik Brasil
Astrofísicos captam sinal altamente energético de origem extraterrestre
O estudo baseia-se na suposição de que Júpiter se movia através do nosso sistema na etapa primitiva, quando o Sol tinha maior atividade e uma velocidade de rotação mais alta. Portanto, o vento solar era muito mais forte. Este fenômeno consiste na expulsão de partículas solares a uma velocidade incrível, com uma massa correspondente a cerca de 40 bilhões de toneladas por ano.

Levando em consideração a ideia de que as partículas de poeira espacial eram menores do que um planeta, a teoria de Spalding supõe que as rochas próximas ao Sol tinham um diâmetro de aproximado 100 metros. Por isso, a passagem do gigante gasoso e de sua gravidade, bem como a força do vento solar, deveriam ter tido grande impacto nelas, inclusive em sua localização.

Origem de matérias inexplicáveis

Ilustração mostra asteroide Oumuamua indo na direção à periferia do Sistema Solar (imagem ilustrativa) - Sputnik Brasil
Sistema Solar pode ter mais 4 visitantes interestelares, além do asteroide Oumuamua
Graças a essa teoria se torna possível explicar a falta de escombros ao redor do Sol — que estão normalmente presentes nas proximidades de outras estrelas — bem como algumas anomalias, como, por exemplo, as matérias inexplicáveis que se encontram no interior da Terra.

"Este poderia ter sido um material que esteve mais próximo [do Sol] do que Mercúrio e foi atingido pelo calor solar", apontou o autor do estudo.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала